Arquivo | maio, 2010

Quem já não tem uma?

31 maio

Há tempos que as leggings deixaram de ser sinônimo de prática esportiva e passaram a ocupar um lugar de maior destaque nos closets e nas ruas. Com sua versatilidade, aliada ao baixo custo, elas têm ganhado espaço nas passarelas, nas vitrines, na mídia e na cabeça das mulheres mais antenadas.

Eu confesso que, com meu corpinho pós-parto, que ainda não retornou ao seu tamanho original (se é que posso chamar meus 48 kg pré-gravidez de tamanho original), as leggings têm sido uma grande aliada nos momentos de “aperto” (literalmente..rs). Tenho aproveitado a peça em diversas ocasiões, desde ir ao supermercado, até reuniões de negócios (sim sim…isso mesmo…apesar de hoje fazer parte das estatísticas de desempregados formalmente, eu venho planejando um negócio próprio e, por isso, tenho frequentado reuniões de negócios).

Aliás, essa versatilidade é a maior vantagem das leggings, que podem ser usadas tanto no frio como no calor, e em infinitas ocasiões: combinadas com um scarpin, uma camisa e um blazer, vão tranquilamente a uma reunião de negócios, já para um almoço informal basta uma sapatilha, uma blusa mais compridinha e uma jaqueta jeans.

A peça, que foi ícone da moda nos anos 80 nas suas mais variadas cores, apresenta versões atuais para todos os gostos: comprida, curta, com zípper, sem zípper, com pezinho, sem pezinho, e não posso deixar de comentar a versão que promete ser tendência nesse inverno, as “wet leggings”, que receberam esse nome devido a seu leve brilho, o que traz um aspecto de molhada à peça.

Posto aqui algumas sugestões de usos das leggings e wet leggings, espero que sirvam de inspiração para aproveitarem ao máximo as suas leggings (afinal, quem já não tem pelo menos uma no guarda-roupas?):

De olho nas tendências

27 maio

Vou começar o post repetindo o que venho lendo por aí e é a mais pura verdade:

Há algum tempo os esmaltes passaram a ser mais um acessório a compor o look feminino e, tal como uma pulseira ou um colar, podem fazer toda a diferença na produção.

Eu sou adepta aos esmaltes coloridos já faz muuuiiitttos anos…encaro de tudo…vermelhos, azuis, laranjas, pink, verdes…enfim…não há cor que me intimide. Já faz bastante tempo que aquele esmalte rosinha discreto, ou branquinho discreto, enfim, qualquer um que seja DISCRETO, não faz parte da minha bolsinha de manicure (digo minha bolsinha  de manicure porque sou eu mesma quem faço minhas unhas – essa é uma de minhas manias).

Vocês se lembram do Jade, da Chanel, que foi hit na última estação? Eu acabei não aderindo porque quando percebi tinham unhas verde menta (para quem não sabe, essa é a cor característica do Jade) em toda esquina, quis fugir um pouco do óbvio e optei pelo pink (aquele bem neon)…mas em pouco tempo minha sala toda do curso de moda estava usando essa mesma cor…uma febre…realmente é difícil fugir das tendências.

Então aí vai a tendência da vez: esmalte Particulière (também da Chanel)

Paticuliére - Chanel

Ele foi apresentado no desfile Primavera/Verão 2010 da Chanel e virou febre no mundo todo.

Para quem não encontrá-lo ou não estiver a fim de desembolsar algo em torno de R$ 170,00 por ele aqui no Brasil, segue a dica de algumas versões bem parecidas com o Particulière:

  • Jackie (Impala)
  • Chocolate (Colorama)
  • Cappuccino (Risqué)
  • Café Creme (Impala)
  • Pandora (Big Universo)

Melina Gouveia arrasando

27 maio

Bom…eu, como boa noveleira, não poderia deixar de comentar:

Mesmo ainda não estando tão envolvida com a trama, venho acompanhando Passione. No capítulo de ontem apareceu a tal personagem estilista que morava em Paris, Melina Gouveia, e, como não poderia deixar de ser, seu figurino estava de babar, a começar pelo corte de cabelo, bem anos 20, que com certeza vai virar moda: na altura das orelhas, com franjinha curta e cor bem preta (eu AMO esse tipo de corte…usei muuuiiiittoooo…mas agora com meus 2 filhos pequenos tenho que apelar para a “praticidade” e evitar a franjinha…mas o curto continua…não vivo sem ele…rs).

No capítulo de ontem ela estava usando uma calça preta de couro, bota cano alto também preta, blusa vinho com a manga plissada e uma amarração na gola (no tecido da blusa deve ir alguma aplicação de resida – o que deu certo brilho a peça), sobreposta por um colete preto fechado com botões na frente….simplesmente um ARRASO!!! Consegui fazer uma montagem de algumas fotos com esse figurino, mas, infelizmente, não ficou muito boa (mas acho que dá pra ter uma idéia do que estou descrevendo):

Detalhes da gola e manga

Para compor a personagem, a atriz (Mayana Moura) fez laboratório com a Glória Coelho (não tem como negar que o figurino, e até o cabelo, está bem característico do estilo “Glória Coelho”, pra mim uma das estilistas brasileiras mais originais…adoro).

Para caracterizar Melina Gouveia, a equipe de figurino também buscou imagens do site http://thesartorialist.blogspot.com (quem não conhece, vale conhecer, um site bem interessante com imagens de pessoas fotografadas ao redor do mundo, ótima fonte de pesquisa).

Posto abaixo mais alguns figurinos que serão usados pela personagem, simplesmente um show a parte: 

Pra mim, só pelo figurino da Melina já vale ficar ligado na nova novela, pois vai ter muita Melina Gouveia circulando por aí… 

Polainas…ame ou odeie

26 maio

Esses dias eu estava lendo na Revista Criativa uma matéria sobre as blogueiras de moda e o que me chamou a atenção é que a maioria delas contam com um namorado/marido fotógrafo que é o responsável pelas imagens postadas.

Como não tenho um marido fotógrafo (e nem posso reclamar porque o meu é um ótimo consultor…entende tuuudddoo de negócios) vocês vão ter que se contentar com os meus auto-retratos….faço o que posso né…espero que gostem.

Enfim, vamos ao protagonista de hoje: as polainas

Há alguns invernos atrás ela estava super em alta, lembro de andar por Campos de Jordão e encontrá-la em todas as vitrines. Para alegria de alguns e tristeza de outros (como eu) nesse inverno parece que ela será substituída pelos meiões 5/8 (que estão voltando com tudo…quem não se lembra da moda meião estilo futebol + saia xadrez que foi febre em meados dos anos 90?).

Como não consigo me desapegar tão fácil de tendências passadas, e ainda não me sinto segura para adotar o meião 5/8 devido ao meu 1 metro e meio, ontem eu resolvi tirar a minha polaina preta do armário e compor um look bacana com ela…achei que ficou legal (ainda que não seja a tendência da estação), espero que gostem também.

Look com polaina

Envio abaixo outra sugestão para usar as polainas guardadas (essa eu encontrei em um blog na internet, em um post feito em 2007,  e achei interessante): 

Está aberto o movimento “a volta das polainas”…ADORO!!!

Mães modernas

25 maio

Já contei na apresentação do site que o que me motivou a iniciá-lo, entre outras coisas, foi a minha atual situação de recém-mãe (tudo bem que é o segundo filho…mas sou recém da mesma forma). Nesses momentos parece que um mundo infantil desaba sobre nossas cabeças e qualquer vestimenta com um apelo um pouco mais mais lúdico chama nossa atenção como se fosse um CHRISTIAN LOUBOUTIN na vitrine…rs

Diante disso, não tenho como evitar que meu primeiro post seja algo relacionado a essa minha “condição”, portanto, o protagonista de hoje será o soutien de amamentação:

Quando tive meu primeiro filho, há 3 anos, rodei São Paulo atrás de um soutien decente para usar no meu período de amamentação, mas na época a procura foi sem sucesso e me vi obrigada a usar aquelas coisas horríveis que habitualmente encontramos por aí: soutients horrorosos, enormes, com aquele buraquinho no meio que parece uma janelinha por onde o peito sai na hora do “mama”, cor de pele, ou no máximo, com muita procura, encontrava um branco (menos mal vai).

Posso dizer que é terrível já estar se sentido estranha com aquela barriga que não te pertence, aqueles peitos (que, por sinal, também não te pertencem, dois números maiores do que o seu habitual, mas isso não é tão ruim assim) pingando leite sem parar, com olheiras que te deixam parecendo um drácula e um humor do cão (resultado das longas noites sem dormir), e no dia a dia ser obrigado a colocar aquelas peças que parecem ter vindo direto do túnel do tempo, da época de nossas bisavós. Acho que essas lingeries pós-parto foram feitas justamente para ajudar os maridos na época da quarentena…porque realmente acaba com qualquer desejo…

Passado o trauma, grávida do meu segundo filho, certo dia comentei com uma amiga sobre a carência do mercado de underwear para mães modernas, e ela me contou que a estilista Thaís Gusmão havia passado pela mesma situação e, diante disso, resolveu produzir peças moderninhas para a fase de amamentação. Corri pra loja da estilista no mesmo dia e comprei um conjunto fofo de soutien e calcinha pós-parto de joaninha (tudo bem que a modelagem dessas calcinhas não ajudam muito, mas pelo menos a estampa é incível):

Soutien Thaís Gusmão

No último final de semana, visitando uma feira infantil, novamente me surpreendi com um stand de underware para pós-parto…estampas maravilhosas e modelagens de arrasar – encontrei até um com decote nadador atrás e fiquei muito feliz porque desde que tive o Gabriel havia aposentado minhas regatas com decote nadador porque não tinha soutien para usar com elas.

Coloco abaixo o modelito do soutien que comprei, um arraso, e deixo aqui a dica com o site do fabricante (www.lojavialactea.blogspot.com) :

Soutien Via Láctea

Bom…vale a pena conferir, afinal, mesmo na hora de amamentar, queremos estar na moda não é mesmo…