Arquivo | Para homens RSS feed for this section

Dos jóqueis para as ruas: montaria, for men

10 jul

Essa semana recebemos uma pergunta de um querido leitor: “homem pode usar calça justa e bota montaria sem parecer um look feminino?”

20140710-140330-50610842.jpg
Continue lendo

Anúncios

Manstyle

26 maio

E quem foi que disse que, só porque o homem é um advogado, sério, que precisa trabalhar, dia após dia, com o mesmo dress code (terno e gravata), o look tem que ser sem graça?

Produção NADA sem graça com terno

Produção NADA sem graça com terno

Continue lendo

Para homens: “a caixa dos desejos”

15 maio

Taí um dos resultados do meu trabalho de personal stylist para homens:

Homem trabalhado no "stylist"

Homem trabalhado no “stylist”

Continue lendo

A difícil tarefa masculina…

26 mar

Um dos assuntos que mais gosto de escrever, e estudar, é roupa masculina. Acredito que, por uma série de preconceitos, esse ainda é um mercado pouco explorado, ao mesmo tempo que tem uma demanda (reprimida) enorme…

Qual é o público que mais precisaria da ajuda de um especialista na hora de ir às compras? Aquele público que não tem a menor paciência de procurar, experimentar, só quer mesmo é resolver tudo muito rápido?

Os homens, é claro!

Essa tal ajuda também cairia muito bem em ocasiões em que eles gostariam de estar diferentes, mas desistem da idéia pelo super risco que isso ofereceria. Afinal, nas suas crenças machistas, só dos amigos saberem que ele está preocupado em se vestir bem, já vão pensar que ele é gay (affff….cada preconceito besta!!!).

A realidade é que o limiar entre uma produção hetero e homo é muito muito estreito nesse universo masculino, e, aqui no Brasil, poucos foram os estilistas que acharam essa fórmula milagrosa (poucos, aliás, não, mas pouquíssimos…e, para dar “nome aos bois” posso citar Oskar Metsavaht, da Osklen, como um desses poucos magos!).

Talvez por tudo isso que homens estilosos, aquele ser em extinção, me chamam mais atenção do que mulheres elegantes, pois, convenhamos, para eles a oferta é bem mais escassa.

No casamento que eu fui no último final de semana achei uma certa concentração desses “homens de estilo”, e o troféu da noite foi para um super amigo que, talvez por suas andanças pela Itália (onde morou por mais de 6 anos), conseguiu aprender muito da elegância e classe Italiana:

20140326-132858.jpg
Só a escolha do terno marinho, bem escuro, já ajudou a fugir daquele mar de MIB (Men in black). Para complementar, o colete, super bem cortado, mais rente ao corpo, com a gravata fina da mesma cor, fez toda a diferença e deu uma super “classe” ao look (ele chegou com o blazer completando o conjunto, infelizmente não fotografei esse momento, mas garanto que a sobreposição blazer e colete estava ainda mais elegante!).

Outro look que eu, particularmente, gostei muito, especialmente pelo sapato oxford bronze contrastando com a roupa toda preta:

20140326-133833.jpg
(Desculpa pela qualidade da foto, que quase não nos permite ver o sapato, mas lá estava bem escuro e eu não consegui fotografar, então roubei essa dos “paparazzos de plantão”).

Tá certo que esse é um look um pouco mais arriscado (em termos de interpretação), única e exclusivamente por conta do sapato, mas eu acho bem legal, ousado, diferente e que destaca-se, positivamente, no meio da multidão!
>

Um homem descolado…um charme!!!

9 jan

Os seguidores do Entre Rendas e Poás pedem, e a gente atende…

Vai ai mais um post do super gato descolado, meu amore (esse que não liga de virar modelo do blog, mas tem sempre uma careta pronta para as fotos):

20140109-075557.jpg

20140109-105949.jpg

20140109-105955.jpg

Diz aí que não é muito estilo pra uma pessoa só!

Bermuda cinza levemente (mas bem levemente mesmo) acetinada, combinada a camisa quadriculada verde e azul (amo essa combinação de cores). E para manter o clima praiano, o sapato da Mr. Cat (esse está sempre presente na loja, coleção após coleção, e é o maior curinga do gato, vai com tudo, bermuda, short, calça jeans, bem “multi-uso” mesmo).

Achados da Benedito Calixto…

18 dez

Fim de semana passado fiz um daqueles programas que amo, e que não fazia há mais de anos: almocinho seguido por voltinha na Benedito Calixto.

Curto muito ver as antiguidades, principalmente os acessórios. Sempre penso que se eu fosse uma produtora de moda ou fotografia, certamente “caçaria” várias peças por lá.

Amo também as galerias que rodeiam a praça, lotadas de novos estilistas. Sempre fui muito fã de estilistas iniciantes, tanto pelo capricho do trabalho, como pela possibilidade de encontrar peças diferentes, ousadas e pouco preocupadas com “ser comercial”!

Minha passada pelas galerias teve que ser meio breve nessa última visita (estava acompanhada de filhos e marido impaciente), mas deu tempo de encontrar dois super achados.

O primeiro deles, até aproveitando o “gancho” do post que fiz aqui no “Entre Rendas e Poás” na semana passada (com a dica de usar um soutien rendado sob os tops de alcinha): uma banquinha que vende calcinhas e soutiens rendados de vários modelos e cores, lindos e sexy’s.

20131218-094949.jpg

20131218-094955.jpg

20131218-095004.jpg

As boas notícias: o preço é bem justo (60 a 80 reais o conjunto), e vende pela internet (www.weloveunderwear.com.br).

Segundo achado: uma espécie de banca de camisetas, com modelagem baby look para as mulheres, e estampas incríveis:

20131218-095835.jpg

Me apaixonei pela da divina Audrey Hepburn, mas tinham zilhões de opções, também para homens e para crianças (meus pequenos levaram a do “ET” e a do “Poderoso Chefão”).

Para quem quiser conhecer mais sobre as camisetas, o site é www.benditaaugusta.com.br.

Marido de peixa, peixão é…

21 out

Fala sério, tem como não usar um marido desse como o modelo oficial do blog?

20131021-010224.jpg

O cara é estiloso demais!!!

Acertou em cheio na combinação da bermuda cinza mescla com a camisa meio bordô meio preta (sabe aquelas texturas que, dependendo do ângulo da visão, mostra-se com uma cor diferente).

Para finalizar o sapatênis (com meia soquete da mesma cor…assim fica mais phyno, ficadica meninos), e lógico, a lingua de fora, marca registrada da pessoa.

Detalhes da textura da camisa show (difícil retratar com a câmera do Iphone, mas, só para dar uma idéia, já que na foto de corpo inteiro não dá nem pra ter idéia do charme dessa camisa):

20131021-010959.jpg

Gatíssimo cheio de estilo…

31 ago

Marido de blogueira é isso aí: hora fotógrafo, hora modelo, a regra é acompanhar a onda.

E o cara é estiloso viu:

20130831-122806.jpg

Blusa manga comprida Cavalera, jeans claro e cinto laranja (lindooo!) Calvin Klein e pra fechar o look, com aquele toque mais despojado (que eu particularmente adoooorro), o bom e velho All Star.

Total white: man

28 abr

Sabe que estou gostando dessa história de escrever sobre moda homem…

Ontem o Gato me pediu uma ajuda para produzí-lo para uma festa, e esse foi o resultado:

20130428-182257.jpg

Calça clara no look masculino é uma boa opção pra sair do comum, e nesse caso em específico, combinada com a bata de listras verticais, ficou elegante e moderno ao mesmo tempo.

Para finalizar, a botinha preta.

Como já escrevi aqui há alguns posts atrás, acho a bota masculina um item que faz toda a diferença na produção, mas nada comum. Sei lá…acho que homens são práticos demais e têm muito medo de sair do padrão, medo de errar ou de serem mal interpretados, por isso não adotam tanto esses diferenciais.

E o Gato não é muito diferente. Convenci ele à comprar essa bota no ano passado, mas foi uma luta, e eu realmente acho que foi uma briga que valeu à pena, porque ele fica um arraso quando veste a tal “botinha”, não é mesmo?!

Blazer de moletom: porque nao?

23 abr

Pois é, lembram do fofo que senta na minha frente?

Olha ele aí de novo:
Calça com um xadrez bem discreto (trançado verde sobre o fundo azul, quase imperceptível nessa foto, mas incrível a olho nú) + botinha de cano baixo (que acho realmente que os homens deveria usar mais porque faz uma bela diferença no look masculino) + blazer de moletom despojado e de cor neutra pra finalizar com o “toque” de pessoal:

20130423-205356.jpg

Pra mim é nota 10 de novo, Rinder!